Pessoas felizes não precisam do falso prazer das drogas

Pessoas felizes não precisam do álcool e das demais drogas. Você é uma pessoa feliz? Se sim, você não precisará preencher um vazio dentro de você e muito provavelmente não se sentirá tentado a caminhar com as drogas. Agora se a infelicidade reina em sua vida é possível que o caminho das drogas seja de fato um chama para você.

Muitas pessoas que estão insatisfeitas em alguma área de suas vidas tendem a mergulhar no mundo das drogas para curar momentaneamente essa insatisfação. Aqueles que não aprendem como ter uma vida equilibrada acabam fracassando em várias áreas para alcançarem o sucesso em uma única área. Aqui reside uma infelicidade, afinal não tem como alguém se sentir pleno vivendo uma vida desequilibrada.

O problema de entrar no mundo das drogas é que a saída não é tão fácil quanto a entrada. Hoje quero conversar com você sobre como esse falso prazer pode culminar em vários fracassos em sua jornada. Também quero mostrar como a felicidade plena te afasta desse mundo dos vícios.

As drogas e os demais fracassos…

pessoas felizes e as drogas

Recentemente eu conheci a história de uma pessoa que não irei identificá-la aqui nesse artigo. Embora autorizado a falar sobre as lições que ela aprendeu nesse mundo das drogas. O início dela foi logo aos 15 anos de idade. Essa pessoa era muito tímida e não tinha coragem para chamar uma garota do colégio para sair. Ao encontrá-la em uma festa ele teve muita vontade de ir conversar, mas a timidez atrapalhava. Foi então que seus amigos o encorajaram a beber um drinque de vodca para criar coragem.

Foi assim o seu início nas drogas. O problema é que após alguns drinques ele se encheu de confiança e foi até a garota e conseguiu uma dança com ela. Foi amor à primeira vista! Não com a garota, mas com as drogas e os efeitos que ela fez naquele rapaz tímido e sem coragem. Ali a droga foi uma grande amiga ao ajudá-lo a conquistar aquela menina. Será se essa amizade foi benéfica para sempre?

Claramente não! Aos 30 anos aquele menino que entrou nas drogas por causa da timidez já se ver dependente não só do álcool, mas de tantas outras drogas. Um triste retrato não apenas desse homem, mas de tantas outras pessoas que acabam se perdendo no mundo dos falsos prazeres. O meu alerta para você nesse tópico é que precisamos ter muito cuidado quando se trata de viver uma vida baseada no consumo de substâncias que viciam, afinal a entrada é fácil… a saída difícil.

Se você está lendo esse artigo e também é uma pessoa tímida tenho uma dica. Não se leve para o mundo das drogas para curar essa timidez momentaneamente. Clique aqui e aprenda a se livrar dela definitivamente. Seja como as pessoas felizes e não procure superar limites nas drogas.

Pessoas felizes procuram por diversão…

pessoas felizes procuram por diversão

Pessoas felizes não buscam o mundo das drogas. Um teste feito com ratos de laboratórios trouxe uma grande descoberta. Ao colocarem ratos em uma gaiola sozinhos com apenas dois potes de água (um com cocaína diluída e outro com água pura), tão logo eles experimentavam o que continha a substância eles se viam tentados a toda hora irem até o pote beberem água contaminada até culminarem com suas mortes.

Em outra gaiola com mais ratos e também com uma espécie de parque de diversão (bolas, túneis, etc.), os ratos que experimentavam a água contaminada com cocaína não sentiam necessidade de continuarem bebendo daquela água. Embora tenham tido contato com a droga igual os ratos que viviam sozinhos e sem diversão, eles não sentiram necessidade. Na verdade esses ratos consumiram menos de um quarto da água que os outros ratos isolados consumiram. Nenhum desses ratos morreu, os demais que se viciaram não tiveram a mesma sorte.

A lição que eu quero te passar com esse artigo é que pessoas felizes não procuram as drogas para se divertirem. Até digo um caso meu. Quando eu estava preso no mundo do álcool eu sempre me vi necessitado de sair para beber com meus amigos. Veja bem, minha busca era por bebida e não por diversão. Hoje eu faço parte de um grupo com hábitos saudáveis e que procuram fontes verdadeiras de prazer e diversão. Atualmente saio muito mais que antigamente, porém em busca de diversão e não para beber.

Ter me livrado do mundo dos falsos prazeres fez uma grande diferença em minha vida. Pois hoje me vejo vivendo uma vida plena e com um estado de felicidade que nunca sentira antes. Tudo isso graças a ter aprendido a superar limites que impedem de viver bem.

Espero que esse artigo tenha feito uma diferença na sua vida. Ficarei muito feliz em ler um comentário seu a respeito da leitura. Vamos lá! Deslize essa tela para baixo e deixe seu comentário mais abaixo! Será um prazer saber a sua opinião.

Seja mais um importante contribuinte:

Para que possamos ajudar cada vez mais pessoas diariamente a superarem seus limites e terem inspiração para vencerem na vida eu necessito da sua contribuição. Se for de coração alegre clique aqui e me ajude a ajudar.

Compart. 0

Deixe um comentário: