Chantagem emocional – uma arma para a manipulação

Sabe aquele momento que por uma razão desconhecida você acaba agindo de forma que contrarie a sua vontade? É bem possível que você esteja sendo manipulado por uma chantagem emocional. Uma prática que tende a te tornar prisioneiro de determinadas relações (relacionamentos amorosos, amizades, família). Afinal, você acaba agindo de acordo com os desejos estabelecidos por outrem.

No decorrer desse artigo abordarei três tópicos explicando: 1) causas; 2) características; 3) como superar. Espero que você utilize esse conteúdo para se livrar dessa amarra emocional. Leia todo o texto e pratique as dicas estabelecidas. De nada adianta ter a informação e não agir. Aproveite o conteúdo!

A chantagem emocional e suas causas

chantagem emocional causas

São diversas as razões que podem levar alguém a adquirir o hábito de ser um chantagista. Abordarei alguns deles aqui para você. A primeira causa é com relação a uma baixo autoestima. Aquele que não possui uma estima por si próprio se sente na obrigação de sempre buscar uma confirmação do amor de outras pessoas. Inclusive já abordei sobre a autoestima baixa e você pode ter acesso clicando aqui.

Outra causa muito comum são com relação aquelas pessoas narcisistas ou que sofrem com um transtorno da personalidade borderline. Frequentemente elas usam da chantagem emocional com amigos, familiares, em seus relacionamentos. Afinal, é uma maneira que elas encontram para consolidar suas personalidades. Narcisista é aquela pessoa que é muito voltada para si própria – é um padrão invasivo de grandiosidade, necessidade de admiração e falta de empatia. Por sua vez, o transtorno da personalidade borderline é caracterizado por humor, relacionamentos e comportamentos instáveis. Normalmente quem sofre desse transtorno tem um sentimento de inutilidade grande, é inseguro, etc.

O medo de ser abandonado também é uma causa comum, desse modo o chantagista emocional tende a querer exercer uma posição de poder sobre a situação. É notório a dependência emocional que quem assim se encontra. No tocando ao medo do abandono você pode clicar aqui e ter acesso ao conteúdo já abordado nesse blog.

Nesse tópico você conheceu algumas causas, então nesse momento é hora de conhecer os artifícios usados por aqueles que usam a chantagem emocional. No próximo tópico você aprenderá as características dessa manipulação.

Características da chantagem emocional

chantagem emocional características

A primeira característica é com relação a manipulação por ameaça ou pressão. Muitas vezes quem é vítima nesses casos tendem a ter sua liberdade de escolha obstruída. Afinal, se elas não exercerem o padrão quisto pelo chantagista haverá uma punição posterior. Por exemplo, namorados que usam a frase “se fizer isso o relacionamento está acabado”, ou os pais com seus filhos “ficará de castigo se isso se repetir”. Há um forte sentimento de medo das vítimas nessas hipóteses.

Outra característica é com relação ao sentimento de culpa. Você já ouviu aquela frase “se você faz isso é porque não gosta de mim” ou aquela outra que diz assim “depois de tudo que fiz por você é assim que me trata”? Aqui os chantagistas tendem a criar nas vítimas um pensamento de que elas são pessoas ruins. Sendo assim, quem sofre dessa chantagem acaba optando por não tomar atitudes que a coloque como a “errada” da história.

Outra possibilidade é com relação as promessas positivas. Na verdade, essa é uma das mais comuns e muitas vezes sequer é notada como chantagem emocional. Nessa possibilidade a vítima receberá uma premiação em algo caso ela faça o comportamento desejado pelo chantagista. Por exemplo, os presentes que os pais compram para os filhos caso conquistem determinados objetivos; ou mesmo presentes entre cônjuges. Aqui reside algo interessante, mais tarde pode se transformar em uma característica do sentimento de culpa. Afinal, aquele que presenteou pode dizer “lembra daquele presente que te dei”. É o mesmo que aduzir que por ter recebido diversos presentes materiais é um dever agir de acordo com as vontades dele.

Algumas características das pessoas que praticam a chantagem emocional: vangloriam de suas propriedades, querem dominar o outro, não gostam de receber conselhos, mudam facilmente de humor, desejam anular a opinião do outro.

Aprendendo a superar em três passos

chantagem emocional superar

Bom, primeiramente é importante você detectar o padrão da chantagem emocional. Por você está ligado emocionalmente a outra pessoa será um pouco complicado detectar as estratégias que o outro costuma usar. Por isso, é importante você conversar com  alguém fora da relação. Afinal, é uma excelente maneira de clarear mais a situação.

Após, é de extrema importância que você não mais ceda a chantagem. Pode ser que no início se torne algo difícil e traga sofrimento para ambos. O motivo é que romper com algo que já vinha sendo estabelecido anteriormente causa dor para todos os envolvidos. Todavia, é preciso ter em mente que a dor inicial será benéfica para o prazer posterior de poder agir mais por suas próprias vontades do que impregnada por uma manipulação.

Por fim, mantenha-se firme na sua decisão, não ceda jamais. É desse modo que você ensina ao chantagista a parar com esse comportamento doentio. Se você, por ventura, em algum momento ter alguma ação motivada pela chantagem só estará reforçando a prática do chantagista continuar a exercer esse controle sobre você.

No mais, se o chantagista quer te causar algum tipo de medo com ameças ou pressões não demonstre o seu temor. Se quer te ameaçar em por fim ao relacionamento saiba dizer “somos livres para tomar nossas próprias decisões… se o meu modo te incomoda sinta-se livre para me deixar”. Se ele quer te fazer sentir culpa mostre que você não tem nenhum tipo de remorso por tomar determinadas atitudes e que sente que foi a melhor decisão. Se deseja cobrar pelos presentes que te deu mostre que presentear é uma demonstração de afeto que não se espera nada em troca.

Uma arma dos fracos…

Por meio da leitura é evidente que você precisa dizer chega as chantagens que outros podem lhe fazer. Saiba reconhecer que se Deus já te deu o livre arbítrio porque você irá se prender por outro alguém? Lembre-se que a vida é muito curta para ser pequena. Não a apequene vivendo preso em padrões estabelecidos por quem deseja te controlar. Saiba se manter livre e viver por sua própria felicidade.

Existe uma frase que diz que os fracassados costumam fazer chantagens. Penso da mesma forma, afinal quem não tem sabedoria para conquistar por suas ideias tende a optar por meios fraudulentos.

Espero que esse artigo tenha feito uma diferença na sua vida. Ficarei muito feliz em ler um comentário seu a respeito da leitura. Vamos lá! Deslize essa tela para baixo e deixe seu comentário mais abaixo! Será um prazer saber a sua opinião.

Seja mais um importante contribuinte:

Para que possamos ajudar cada vez mais pessoas diariamente a superarem seus limites e terem inspiração para vencerem na vida eu necessito da sua contribuição. Se for de coração alegre clique aqui e me ajude a ajudar.

Compart. 0

6 Comentários

  1. Joeli Teixeira Antunes

    Excelente artigo. Na maioria das vezes não percebemos estes tipos de chantagem.

    Responder
      1. kleyze.Domingos

        Douglas ao ler seu blogue sobre as chantagens emocionais me ajudou muito sofri isso recentemente de uma pessoa que só me conhece pelas redes sociais o mesmo tem características de transtorno de personalidade me fazia ameaças publicadas em minha página do Facebook print de conversas porque eu disse que não é necessário está o tempo todo conversando etc……. Um comportamento doentio chantagista e manipulador. .. o bloqueeidda minha página rezo por ele porque precisa de orações e do amor de Cristo. Abraços e já me inscrevi no seu site

        Responder
        1. Douglas Teixeira

          Fico feliz que tenha conseguido se livrar dessas amarras emocionais. Isso, orar muito pela vida dele. Espero que goste do trabalho. Deus abençoe você, Kleyze.

          Responder

Deixe um comentário: